Escotismo – Ana Cristina da Costa.

Falar de escotismo nos remete a conceitos formados de aperfeiçoamento físico, moral e comportamental a exercícios físicos e ensinamentos paramilitares.

São 10 as leis, a base de toda essa estrutura difundida mundialmente e sobrevivente neste mundo de frios e inimagináveis substâncias plásticas e metálicas. São cinco os pontos primordiais, eles não são finalidades e sim meios para alcançar os objetivos propostos.
O escotismo ainda é muito procurado por aqueles cuja formação foi militar e ou teve influência de tal, mas não primordialmente, pois também àqueles querendo proporcionar aos filhos, aos jovens em geral, uma visão de mundo real. Àqueles que respeitam o manual de sobrevivência de fato.
Está num desses treinamentos, como sobreviver em uma floresta, aplicando princípios básicos.
Muitas pessoas ainda se perdem nas densas matas pelo mundo afora por não saberem e ou não carregarem no meio das coisas uma bússola. Infelizmente ela deu lugar ao celular, uma ferramenta que, dependendo do local, sua altitude, não oferecerá sinal para a comunicação com o mundo, e ou estará com sua bateria descarregada. Isso é só uma das muitas informações recebidas dentro desse brilhante

Continue lendo em Faroeste Literário

Comnetários

comments

Deixe uma resposta