Leitura | O livro dos negros

Publicado pela Primavera Editorial no Brasil, a obra de Hill Lawrence conta a trajetória de Animata Diallo, mulçumana, filha de um joalheiro e uma parteira, nascida em Bayo no continente africano. Um romance histórico ambientado no século XVIII conta em detalhes como funcionava o sequestro e tráfico de africanos para a América do Sul onde seriam escravizados. Aos 12 anos, Animata vê a mãe assassinada por traficantes, se arrasta numa longa caminhada até a costa africana e embarca num navio negreiro rumo ao desconhecido.

Ao chegar à América, a pequena é leiloada como uma mercadoria e torna-se propriedade um fazendeiro produtor de índigo na Carolina do Sul. Meena conhecia bem como funcionava a relação de mestre e escravo, mas nada justificava a crueldade dos toubabos [brancos] com os negros que realizavam a maior parte do trabalho pesado nas fazendas ou dentro das mansões em que viviam.
Já em idade adulta, se casa com um dos negros que fez a travessia do mar atlântico com ela. Animata é separada de seu bebê e vendida a um Judeu que a leva para longe das lavouras de índigo e permite que ela aprenda a ler, escrever e fazer contas, mas a mantinha como escrava lucrando com o ofício de parteira que ela aprendeu com a mãe. Mais tarde, Meena é contratada pela marinha inglesa para registrar o embarque dos negros que serviram ao Rei George III na Revolução Americana. O livro dos negros é inspirado nesse documento histórico que cataloga aproximadamente 3 mil almas para a liberdade do outro lado do oceano.

Comnetários

comments

Deixe uma resposta