TENTATIVAS DE FAZER ALGO DA VIDA – HENDRIK GROEN | EDITORA PLANETA DE LIVROS | POR BRUNO FRAGA

“Domingo, 27 de janeiro

Tentei, mas não consegui ficar até o final do bingo. Quando começou uma briga por causa do quinto prêmio – um salsichão de fígado do Aldi, de noventa centavos -, disse que estava com enxaqueca e fui para o quarto. É prático ter enxaqueca porque é algo aceito como desculpa em toda parte. Quando cheguei aqui e ninguém me conhecia, apresentei minha enxaqueca inventada e, desde então, já fiz uso dela inúmeras vezes. Espremer um pouco os olhos e esfregar a mão na testa é o suficiente. Alguém sempre pergunta preocupado se por acaso não estou com enxaqueca. Então preciso ‘deitar um pouquinho’. Nenhuma chateação para meu lado e fim de papo.”

Tentativas de fazer algo da vida, o best-seller holandês que retrata o cotidiano de um senhor que vive em uma das centenas de casas de repouso para idosos em Amsterdã, chega ao Brasil publicado pelo selo TusQUETs da Editora Planeta de Livros.
O sucesso do livro atraiu a curiosidade da mídia para descobrir a real identidade do autor, que, de maneira brilhante, escreve em seu diário sobre a vida de quem já não vê muitos motivos para se importar com o que os outros pensam.
Independente da pessoa por trás do pseudônimo, Hendrik Groen conhece bem o cotidiano dos moradores de casas de repousos e, acima de tudo, conhece o ser humano e sua natureza conflituosa, pois mesmos idosos em cadeiras de rodas tendo que usar fraldas demonstram inveja, praticam bullying , entram em inúmeras discussões e talvez só não haja luta corporal pela precária condição física dos contestantes.
Hendrik, porém, não quer que o resto de sua vida se resuma a isso. Já vivendo no asilo por alguns anos e sem receber visitas, junta-se aos poucos, mas bons amigos que também vivem lá e funda o Tovemantomo (Tô velho, mas não tô morto), um grupo que planeja reuniões, jantares e passeios semanais para aproveitar o pouco da vida que lhes restaram.

Comnetários

comments

Deixe uma resposta