QUANDO TUDO COMEÇOU

Para continuar essa saga maravilhosa sobre o #mêsdoamor, hoje eu trago à vocês o início de uma história que dura mais de 10 anos. Também vou falar pra vocês como é difícil um “ser humano” se declarar e assumir que sente atração por outra pessoa(pelo menos um ser humano complicado e ansioso como eu).

Eu demorei muito pra falar a alguém como eu me sentia em relação ao coração, porque eu não tinha um coração batendo dentro do peito, eu tinha uma pedra. Até que um dia eu conheci o garotinho com quem eu sou casada hoje, mas antes dele ser meu marido ele foi meu amigo, namorado, quase noivo até chegar ao status de marido hehehe.

Alguns de vocês já sabem um pouco da nossa história, pois já comentei no post anterior aqui do blog Dez Anos de Casamento e também lá no meu Canal Sheila da Luz. Mas não sabem o que aconteceu láaaaaa…no início de tudo, e hoje eu vou contar pra vocês alguns tim tins dessa nossa história linda.

Então…como alguns sabem eu era de um Abrigo Residencial do Governo(FASE) e quando conheci meu marido mal sabia que Deus já tinha algo pra nós dois muito antes do nosso primeiro encontro, mas se acalmem! Uma hora eu chego nessa parte.

Bom…eu era uma “menina ogra”, pois vivia desde que me entendo por gente na defensiva, sempre me escondendo dos outros esconder de mim mesma. Mas um dia para que todo esse meu ser empedrado fosse quebrado eu conheci Adrison Almeida da Luz, ele era tão corretinho, amável e perfeitinho em todos os detalhes que chegava me incomodar(às vezes ainda me incomoda). E dentro dessa parte “amável” que ele poderia nem perceber, já me ensinava muitas coisas, eu acabei me deixando levar e me apaixonando pelo amigo querido e companheiro que eu tinha ao meu lado de segunda à sexta. Mas é como dizem não é amigos: “É só amizade! Agente nunca vai ter nada!” (SQN) kkkkk… Pra encurtar a história eu realmente me apaixonei por ele, mas de onde que a pessoa se entregava?! Nunca! Então ele foi me tratando muito pelas beradas tentando ler todas as minhas atitudes e indiretas aos poucos, até que uma hora saiu da minha boca: EU TE AMO! Quem diria que um dia eu iria falar esse tipo de frase! Mas como temos a opção de mudar vendo as atitudes das pessoas ao nosso redor olho pra trás e vejo como Deus é maravilhoso, pois graças a Ele existe o livre arbítrio.

Continue lendo #DiaDoAmorQG em Um pouco mais de nós

Comnetários

comments

Deixe uma resposta